TEMPO MÁGICO

Estamos ao final do mes de dezembro e acredito é hora de fazer o balanço de 2010 e uma ótima oportunidde para as nossas reflexões, então gostaria que vocês, principalmente os “mais vividos”, dessem uma boa olhada no link abaixo.

TEMPOMAGICO

É um power point que deve ser colocado em tela inteira para ser visto com clareza e com o belo som da trilha sonora de FORREST GUMP. Afinal, muito apropriada para o texto e para nós corredores, não é mesmo?

É isso, vamos em frente e até a proxima!

Feliz Natal e Muito Obrigado por, ocasionalmente, passarem por ai! 

Tudo “correndo bem” estaremos juntos em 2.011

Alfredo Donadio

6 Respostas to “TEMPO MÁGICO”

  1. Ricardo Says:

    Um pedido de desculpas pela péssima organização da meia maratona de alphaville já seria uma boa mensagem de final de ano!

    Ricardo

    • donadio Says:

      Caro Sergio Ricardo da Silva
      Você tem razão e agradecemos a oportunidade de nos ter interpelado pelo Blog assim, ao invés de responder, como vimos fazendo particularmente para cada corredor deixaremos aqui publicamente nosso relato e nossas desculpas.

      Direto ao Ponto
      Compreendo a sua insatisfação diante dos fatos e mesmo antes de iniciar nosso relato, peço desculpas antecipadamente pelo desconforto causado.

      Vamos lá: – Mesmo depois de muita transpiração, investimento e dedicação por uma visão empreendedora nos últimos 04 anos de trabalho incessantes de Alphaville Running, nós nos vemos agora numa situação onde TUDO é jogado pelo ralo a partir de um erro desastroso de um dos nossos prepostos. Obviamente é inútil e desnecessário o relato causado pelo acontecimento e o efeito cascata provocado para quem, como vc, esteve no evento e a nós só resta às desculpas, pois como corredor praticante sei muito bem a sensação e sentimento de cada um que se preparou para o momento.

      Sem fugir da responsabilidade pela falha de um dos prepostos que estava no ponto de retorno, causador do tumulto e insanidade, peço a sua atenção para retrospectiva referente somente aos cuidados nesse percurso, colocando as ações com o intuito de dar consistência as nossas desculpas:

      – Sempre buscamos a perfeição e criatividade nas nossas ações e isto está claro até então não só nos produtos entregues, cuidados médicos e na atenção aos corredores, mas também e principalmente nas informações que antecedem o evento e que estão em nosso site, fato incontestável já que tivemos o cuidado, desde quando colocamos as inscrições no ar, em relatar e publicar os mapas e vídeos de cada um dos trechos do percurso com o objetivo de explicitar aos participantes com toda a clareza do trajeto para que tudo corresse sem transtorno e os corredores, quando fossem correr a prova, tivessem a certeza do que iriam encontrar pela frente.

      Moto continuo, nas semanas que antecederam a prova, nós da organização nos reunimos com os coordenadores de cada setor do staff percorrendo cada trecho do percurso assim como repassando cada ação de operacionalização e atendimento. Fizemos junto o percurso, também com o medidor oficial da IAAF e acompanhamos (com é de praxe) a medição oficial, marcando km a km e entregando, através do medidor oficial, toda a documentação para a Federação Paulista de Atletismo que nos orienta e fiscaliza todas as ações normatizadas pela CBAt e que nos dá o Permit (alvará) para que a prova vá ao ar.

      Inclusive, com os órgãos públicos que estão no local (agentes e supervisores do Demutran e Policia Municipal), fazemos nossas reuniões para programarmos todas as ações que acontecerão no dia do evento.

      Montagem de arena efetuada, chip e números de peito impressos e entregues aos corredores dentro da logística necessária para a boa execução da prova, assim como sinalização e percurso bloqueado e staffs no local, etc., recebemos a informação do coordenador geral do evento que está tudo OK conforme segue: – Antes da largada, aguardamos sinal do nosso coordenador de campo que junto com o Demutran, 15 minutos antes do horário programado da largada, nos avisa se o bloqueio está finalizado (ação efetivada por radio em conjunto com o Demutran, Policia Municipal e nosso staff de motos) e todos atentos em seus postos. Prontos e dentro do horário, damos a largada e iniciamos no carro madrinha a varredura de frente dos corredores ponteiros da prova.

      No domingo, primeira volta do carro madrinha e com uma boa parte dos corredores mais rápidos a nos seguir passamos no retorno e por radio informamos a quem de direito que a colocação do posto d’água deveria estar no local correto já que estava visivelmente e fisicamente colocada a 50 metros depois do retorno quando deveria estar 50 antes.

      Vamos para a segunda volta e ao passar pelo retorno, já com o posto d’água no local correto, nos deparamos com um caos formado a partir de uma informação equivocada e pela ação contundente de um staff que aos gritos informava erroneamente dando indicação para os corredores da categoria SOLO, irem ao parque ao invés de fazer o retorno completando o primeiro trecho conforme o combinado na reunião e conforme os mapas e vídeos publicados a todos no site.

      A partir desse momento, solicitamos a correção na informação, mas percebemos que infelizmente, com o percorrer do carro madrinha no trajeto, centenas de corredores já estavam em direção ao parque e nós no carro, inclusive acompanhados pelo fiscal da Federação, como é praxe, ficamos impossibilitados de reverter o acontecimento, pois qualquer atitude naquele momento seria tumultuar ainda mais os acontecimentos e seus efeitos em cascata.

      A partir daí, tentamos através do radio com o outro fiscal da federação que fica junto ao equipamento de captação de dados no pórtico de largada/ chegada e transição, tentarmos amenizar tecnicamente a situação e a apuração dos dados.

      Felizmente muitos dos participantes mais atentos que tinham observado os trechos do percurso nos mapas e vídeos informados nas Noticias do site, tendo-os na memória, sabiam a forma do trajeto e que todos, independentemente da modalidade escolhida, deveriam percorrer os três trechos. Esses participaram da prova sem problemas na distancia, trecho ou resultado final, correndo os exatos quilômetros programados sendo eles da modalidade Solo Dupla ou Trio. Infelizmente foram poucos, pois vários desses que observaram as noticias, mapas e vídeos no site se confundiram a partir da informação equivocada do staff no local do retorno. Esses corredores consertaram mais adiante a trajetória perdendo seu ritmo e ficando desmotivados pela confusão. O treinamento e o prazer da corrida foram para o ralo.

      Enfim, seja como for é terrível a sensação que todos nós envolvidos ficamos. Um gosto amargo na boca e um desastre de imagem e decepção geral. Agora, a nós, só resta pedir desculpas e se for possível um voto de confiança deixando as lembranças de um percurso agradável e bons produtos entregues.

      Agradecemos a atenção
      Boas Corridas
      Alfredo Donadio

  2. CARLOS YUGI SHIBUYA Says:

    Bom dia, Alfredo.
    Tudo Bem? É isso mesmo. Estava esperando uma manifestação por parte de vocês para tecer alguns comentários. Lembro que num dos posts anteriores sobre a prova perguntei como se daria a passagem dos trechos, que a sinalização seria importante, com estafes colocados em pontos estratégicos, particularmente no retorno, disse que tudo poderia se resumir ao controle da prova. Pois bem, tirando o fato lamentável daquele que orientou de forma equivocada (cabe a vocês discutir internamente como se deu o fato; foi falta de orientação, de treino? pensei em alguns momentos que poseria ser até sabotagem!), aqui cabem alguns pontos: a) em nenhum momento vi pessoas da equipe orientando dentro do parque ecológico (se algum corredor quisesse oportunamente cortar caminho por entre as árvores poderia ter feito sem que se notasse pois o percurso dá muitas voltas em zigue zague). b) quando fui orientado no primeiro retorno a proseguir em frente logo em seguida percebi o erro mas era tarde pra corrigiro erro e vi que a coisa não terminaria bem. Como tinha visto os mapas calculei de cabeça que daria pra fazer uma correção pessoal, compensando na segunda volta. Importante: muitos corredores vieram pela primeira vez correr na sua corrida (os comentários foram muitos, teve o blog do Lucena, etc, que certamente despertaram curiosidade para a sua prova). Muitos não tinham visto detalhes do percurso, um inclusive achou que não era percurso repetitivo e reclamou mais tarde ao final que foi muito desgastante psicologicamente. c) a numeração das equipes com número tipo 5002-1, 5002-2 e 5002-3 confundiu-se com a numeração das voltas, isto pode ter induzido aquele erro dos estafes.
    d) notei que na correção que foi feita você diminuiu uma das pernas (aquela que ia até a beira da Castelo) ou seja mesmo quem fez a prova inteira não fez 21 km.

    MEDIDAS A Serem tomadas no futuro (sugestões):
    a) supervisionar a localização dos apoios, principalmente em percursos complicados com muitas voltas.

    b) colocar diagramas e mapas na concentração. Dou exemplo prático: na Track and Field (todas) é distribuído um pequeno mapa do percurso explicando os detalhes do percurso. Nem todos tem saco de ficar procurando mapas no site das corridas.

    c) Fazer com que a logística não se confunda. Nada contra o sua proposta, apenas que a numeração das equipes, 1, 2, 3, deve ser distinta das voltas, volta A, B, C.

    Comentários:

    a) acho que sempre se aprende com os erros, e também aprendi muito nesse dia. Sempre elogiei suas provas anteriores, e esta infelizmente poderia ter sido um fecho de ouro.

    b) não se deve dar tanta importância para patrocinadores, o atleta é prioritário.

    c) volto ano que vem.

    Um abraço. Feliz Ano Novo! Siga em frente! Não se deixe abater. Conte comigo. Quando sairá o calendário?

  3. Alfredo Donadio Says:

    Caro Carlos
    Muito Obrigado pelas sugestões, criticas e apoio. Vamos em frente revendo os erros e trabalhando para não repeti-los.
    Em breve publicaremos o calendário. Vamos tentar adequa-lo o melhor possivel evitando, se for possivel, a sobrepossição com outras provas.

    Bom Ano e um grande abraço
    Alfredo Donadio

  4. CARLOS YUGI SHIBUYA Says:

    Bom dia, Alfredo. Fico aguardando o calendário. Pois é muito importante que não haja muita sobreposição. Apesar do ocorrido na Meia maratona, que eu considero que foi um acidente de percurso, pretendo voltar ano que vem, sim, pois as quatro etapas anteriores foram muito gratificantes. Só não posso garantir de poder participar de todas pois minha agenda de corridas está voltada para corridas de montanha, circuito de corridas na praia e provas de revezamento. Mas acredito que com sorte vou poder participar de todas daí de Alphaville e quem sabe uma nova Meia maratona. Um grande abraço.

  5. Alfredo Donadio Says:

    Caro Carlos
    Na primeira quinzena de janeiro publicaremos o calendário. Abraço e muito obrigado pelas palavras e prestigio.
    Que 2011 lhe traga muita saude, sucesso e Boas Corridas
    Alfredo Donadio

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: